quinta-feira, 27 de dezembro de 2012

O caminho está na consciência da vida e da morte.


O Ponto de Virada

O capitalismo e o progresso materialista ignora  
“ O Ponto de Virada,”
“A  lei do Pêndulo”  
“O declive”
Estamos chegando ao topo,
Estamos perdendo a força de impulso
Estamos chegando ao  “Ponto de Virada”
Estamos vivenciando as consequências
Do modernismo e suas explorações.

A ganância nos cega:
O caminho está fora da “mecânica da vida”
O caminho está na superação dessas “leis mecânicas”
O caminho está na consciência da vida e da morte.

Octávio Guerra
J.Nunez 

terça-feira, 18 de dezembro de 2012

Poesias espirituais imparcialistas


Necessito de silêncio e solidão

Prevalece em mim,
Nesses dias em que busco
A alma e o coração humano,
A vontade de silêncio e solidão.

Meu refugio e minha felicidade,
Estão nesses momentos
Em que caminho
Aqui nos labirintos da alma.

Prevalece sempre em mim
A necessidade de silêncio e solidão....

 Jonas Corrêa Martins
J.Nunez 

segunda-feira, 10 de dezembro de 2012

A espiritualidade é a conexão do homem com suas partes internas.


A sociedade do prazer pelo prazer

É natural que o individuo na sociedade
Materialista busque “o prazer pelo prazer”,
Afinal, qual a razão para sofrer
Que dê sentido a esse mundo,
Senão “o prazer pelo prazer”...

O sofrimento pelo sofrimento,
O sacrifício em uma vida imediata
Não tem sentido!
É preciso fé em algo mais além
Para que tenhamos motivos
Para viver e suportar as dores do mundo.

A  sociedade que vive “o prazer pelo prazer”,
O sacrifício pela felicidade e o progresso terreno,
Não há sentido,  senão o prazer agora...

Na sociedade do prazer é natural romper com o sacrifício;
 Ir direto ao que interessa,  o prazer...
Para que os altruísmos se desvalorizamos
A fé, as virtudes,  a eternidade e a felicidade mais além.

A espiritualidade é a conexão do homem com suas partes internas.
As igrejas cheias de nossos dias possuem um discurso
De progresso e felicidade terrena que é coerente
Ao sentimento do homem materialista e consumista
E ainda o ilude quanto a sua necessidade de algo mais além,
Sem conectá-lo com a espiritualidade natural
Que os distanciaria das ilusões de necessidades
De um tempo capitalista e consumista.

Octávio Guerra
J.Nunez

Postagens populares