segunda-feira, 18 de março de 2013

Poesia esotérica, espiritualista imparcialista


O monge

Meu olhar piedoso para o monge
Perguntou como ele suportava
Tanta solidão e vida vazia,
O Eremita respondeu serenamente:
_Solidão e vida vazia
Quem sente são os que desconhecem
As portas e as janelas escancaradas da alma,
Para a vida, o universo e a eternidade.

Jonas Corrêa Martins
J.Nunez

domingo, 17 de março de 2013

O Papa é Jesuíta Franciscano


Holística do corpo e da alma...

O Papa é Jesuíta Franciscano,
Eu sou Jesuíta Franciscano Gnóstico,
O mundo contemporâneo
 Precisa que sejamos todos
 Jesuítas Franciscanos Gnósticos.

Franciscanos na vida,
Jesuítas na alma...
Gnósticos no conhecimento.

Franciscano em um tempo de consumismo,
Materialismo e destruição da natureza
Jesuíta em um tempo
De relativismo cultural e multiculturalismo,
Jesuíta em um tempo
De multiculturalismo que deforma...

Jesuíta que não perde a identidade
 No relativismo e no nivelamento.  
Gnósticos na Era da Informação e do Conhecimento,
Nessa hora treze do planeta.

Franciscano na humildade holístico
Que desintegra todas as verdades
Para respiramos a verdade universal
De sermos seres absorvidos pela eternidade.

As virtudes de amor, firmeza, sabedoria e conhecimento
Não é o multiculturalismo da Era da Informação
Que destrói a identidade e deforma.

Eu sou o templo de Deus,
Eu sou a natureza que me absorve,
Eu sou discípulo da verdade universal,
Da holística do corpo e da alma...

Somos muito mais que corpo,
Somos a presença de espírito
E a energia que outros sentem.

Saulo Menezes Castro
J.Nunez

Postagens populares