segunda-feira, 26 de janeiro de 2015

Poesia esotérica




Mística

Compreendi o mundo,
Compreendi meu tempo...
Me compreendi um pouco.
Para tanto, afundei nos infernos interiores,
Fui muitos nas dimensões mentais,
Fui muitos na vida prática,
Perdi a mística,
Cai na pragmática.

Misteriosa!
Agora que estou mais preparado;
Deixo todos que fui,
Sou um miserável aos seus pés.
Te peço que me devolva à mística...
Porque somente com a devoção
Sou digno de tua presença e do teu amor.

Jonas Corrêa Martins
J.Nunez

Morte Interior

A Manifestação da Alma

Em meu coração tem sempre
Uma despedida de mim mesmo,
Tem sempre alguma coisa morrendo...

Agora, Adeus ao que fui,
O que tenho sido,
Ao que eu pretendia ser...

Quero apenas existir,
Sentir que existo com tanta intensidade
Que me faça passar a fronteira da personalidade.

Uma maldade aponta e manifesta fora do que sou de costume,
Uma virtude escapa e manifesta fora do que sou normalmente.

Estou morto como alguém que esquece quem foi...
Não me esqueci, apenas entendi
Que devo morrer,
Com todos esses que fui,
Esses que eu vinha criando para um dia ser.
Quero à manifestação da alma!

Murilo Santiago
J.Nunez




quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

Sociedade dos relativismos e nivelamentos

Vós sois filhos do Diabo, e tendes vontade de cumprir os desejos de vosso pai. João 8: 44


Adoradores de Demônios

Na sociedade contemporânea
Tudo é a mesma coisa,
Levando-nos ao relativismo absoluto,
A um nivelamento degradante,
E a prática, indireta, de adoração aos demônios
Através da apologia a liberdade dos desejos e do ego,
Que ignora qualquer fronteiras, limites e abstinências...

Adoramos o Diabo com  apologias ao ego e a prática do pecado.
O relativismo é inconsciência,
É um modo que o mal encontrou para ludibriar o Bem.

Ao Bem não interessa relativismo.

O Mal implantou o relativismo, disfarçado de bondade,
Para depois assumir o comando com a face do Mal.

Deus mora em nossas virtudes.
O demônio está em nossos pecados.
Morte ao ego, ao demônio e ao pecado!
Luz, consciência e vida eterna as virtudes!  

Albano Morais

J.Nunez 

segunda-feira, 12 de janeiro de 2015

Meu interior é uma casa: poesia sobre paz e harmonia interior.

Casa Interior  

Eles, os egos, bagunçam a casa;
Brigam, se ofendem tumultuam,
Entram em conflitos, desconhecem a paz e a harmonia.

A virtude e a consciência
Se colocam de fora, observa a confusão na casa,
Se impõe, coloca a paz e elimina os elementos criadores de caos e intrigas...
A virtude e a consciência colocam na casa unidade, harmonia, lucidez e paz.   

Meu interior é uma casa.
Os pensamentos surgem das lembranças de pensamentos;
São os constantes caos de pensar e sentir...

A consciência surge da consciência;
É a unidade interior, a luz e a paz
Encontrada através da meditação e da mística.  

Murilo Santiago

J.Nunez 

sábado, 3 de janeiro de 2015

Poesia de Espiritualista


Voar
Saltei da cama
Para o mundo dos sonhos
Onde aprendi a voar sem as asas;
Com a imaginação consciente
Aprendi a voar.

Sou pássaro, posso voar
Para além do tempo e do espaço,
Para um mundo sem gravidade,
Para um mundo onde o conhecimento
É passado com símbolos...

Sou pássaro, posso voar
Por cima dessa cidade,
Por cima dessas montanhas,
Para além desse mundo de formas,
Para além desse céu...

Jonas Corrêa Martins

J.Nunez

Poesia holística




Insignificância
Já vi o mar,
Mas nunca vi uma pedra,
Nunca me vi,
Os espelhos não me mostram por inteiro,
As águas me refletem parcialmente,
Vi minha sombra,
Meu corpo adormecido na cama,
Vi muita gente, poucas vezes as olhei por dentro...
Tudo reflete quem não sou...
Essas pessoas refletem quem elas não são.
Eu quero olhar uma pedra,
Entrar em sintonia com ela...
Caminhar entre seus átomos...
Ser o universo em uma delas.
Estou saindo da superfície,
Preciso ir fundo...
Preciso olhar essas pedras mais vezes,
Preciso me olhar mais vezes ,
E cada vez mais, profundamente...
Sou insignificante diante à natureza,
Quando sou reflexo do egoísmo...
Sou o universo quando, humildemente,
Me deixo dentro de uma pedra,
sou tudo que é a obra de Deus.
Saulo Menezes Castro 
J.Nunez
Itapema dia 01-01 -2015

Postagens populares