sábado, 12 de agosto de 2017

Poesias Esotéricas Gnósticas

Gravidade na Alma

Me perdi em tanto querer,
Me procuro no silêncio
Que não consigo encontrar
Em meio a tantos propósito de ser
E de querer.

Quero que andar sempre dessa rota interior,
Quero estar sempre acompanhado
Por essa vontade de viver aqui dentro,
Com o centro de gravidade na alma,
E que tudo mais na vida, funcione
Por esse propósito.

J.Nunes  12-08-2017

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postagens populares